Samsung oferece cursos gratuitos de programação e eletrônica

Samsung oferece cursos gratuitos de programação e eletrônica

05/12/2020 0 Por Fala Geek

Plataforma apresenta seis opções de programas de ensino e entrega certificado

Em parceria com o Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI-TEC), a fabricante sul-coreana disponibiliza a plataforma Code IoT com seis programas de ensino: introdução à internet das coisas, aprendendo a programar, eletrônica básica, programação física com Arduino, desenvolvendo aplicativos para celulares e construindo objetos inteligentes conectados.

Todos os cursos são gratuitos e os alunos podem escolher entre uma ou mais opções. A iniciativa ainda garante certificados aos estudantes que concluírem as disciplinas com nota acima de 60%.

Com duração de seis semanas, o programa inclui aulas teóricas e lições práticas. As quatro primeiras são dedicadas a apresentação de conteúdo, já nas duas últimas semanas o aluno elabora um projeto final e desempenha a avaliação de forma colaborativa.

Os cursos são voltados principalmente a estudantes e professores do Ensino Fundamental, Médio e Técnico, mas também estão disponíveis a interessados que não se enquadram nestes perfis. Além disso, é possível optar por aulas em inglês ou espanhol.

De acordo com informações da revista Exame, entre 6 de abril e 4 de maio, mais de 30 mil pessoas se matricularam na plataforma online da Samsung. Oferecido desde 2017, o programa de capacitação já recebeu 158 mil inscritos.

“Estamos comprometidos em garantir que a próxima geração esteja preparada para um futuro orientado pela tecnologia. Acreditamos no potencial para alcançar novos patamares de inovação e desenvolver soluções que mudam a sociedade. E este caminho se dá pela educação”, explica Isabel Costa, gerente de cidadania corporativa da Samsung Brasil.

Os próximos cursos têm data de início marcada para a próxima segunda-feira, 18 de maio. As inscrições podem ser feitas pelo site da Code IoT. Segundo a Exame, eles estarão disponíveis até o fim das medidas de restrição de circulação em decorrência da pandemia do novo coronavírus no Brasil.

Fonte: Revista Exame